25 de jun de 2010

0oooo zerooooo

Me acordei nesta manhã e seguido dormi novamente, já que lá fora era como noite. Fazia frio e chovia muito. Minha sensação de corpo mole, corisa, espirros e dor na garganta pioraram desde o mergulho de ontem. No entanto, fiz diferente que na segunda à noite que, estava uns 9 graus no final do dia. E, eu nadei assim mesmo. Cabelos molhados, vento na cara enquanto pedalava encima de uma bike. Chego e as coisas da casa me gritam SOS. Novamente, tenho atribuições e mais cuidados com meus animais de estimação de que comigo mesma. A obrigação de acessar emails, escrever, postar fotos e falar no msn são como que obrigações muito severas.

O Brasil vai jogar, e eu ligo a TV para ver como é que me informam os colegas jornalistas que vejo pela Band, claro! Não consigo mais ver a RBS/Globo, e isso já faz bastante tempo. Na última vez que fui à Sampa, no mês passado, hospedada na casa de minha irmã, ao saírmos de carro olho uma agitação de câmeras e muito verde e amarelo logo percebo do que se trata. O comentarista e vejo o ex-jogador do Corinthians, Paulo Cesar Casagrande que está na calçada do prédio, nosso vizinho, dando entrevista.

Comento sobre mas, vejo que minha irmã não sabe de quem eu lhe falo.
-Deixa quieto então, oras.
Tudo é clima de Copa. Na estação Vila Madalena, uma amostra de todas as copas passadas mostradas em exposição fotográfica, e em filmes. Muito instrutiva, porém nem tanto quanto a imprensa no rádio e TV que, não deixam por menos. E pela manhã,o Ricardo Boechat, e todos os correspondentes nos mostram na Band as paisagens que vão desde a orla de Durban, até o Estádio com os torcedores nos portões entrando para assistirem a Brasil e Portugal.

A partida vai começar e estou ressonando mas, vou logo me alongando em movimentos de Yoga que, religiosamente pratico pela manhã. E a bola rola em campo, num gramado que foi molhado diversas vezes, antes do jogo. Comentaristas criticaram o fato, mas ordens da FIFA diziam que assim fosse feito. A jabulani ficou mais ligeira ainda, e ela tem sido motivo de análises profundas sobre sua trajetória em campo, e no ar também.

Nenhum comentário: