29 de jan de 2008

Passeios por Lomba Grande


No sábado fui ver uma pré-estréia de um filme chamado Paranoid Park, que fica nos EUA e é point dos skaitistas. Mas, nesse filme, o que menos vi foram manobras radicais. Ficando assim a parte esportiva para mais tarde, quando combinei com o Guilherme uma ida até Novo Hamburgo para conhecer os passeios do Cicle Darcy a loja dos Darcy Pereira e Junior. Às saídas são por volta de 15:30 hs, e os percursos adentram para regiões de muito verde e natureza rural.

Partimos de Poá, às 13:30 hs rumo ao Trensurb ainda sem saber, que mesmo depois do movimento pela liberdade de horários para os ciclistas nos trens, ainda encontraríamos horários regrados. Ainda bem, que achei que seria bom pedalar mais um pouco, e seguimos até a estação Niterói, onde chegamos às 14:05 hs . Logo, fomos informados que estavámos dentro do horário permitido, que era apenas das 14:00 às 16:00 hs, naquele dia.

Sem chance de pensar em voltar antes disso, caso chovesse e não houvesse mais passeio!
Fiquei perplexa!

Embarcamos para ir até São Leo, e encontrar o local na cidade de onde partiria o passeio. Porém, como toda primeira vez tivemos um certo atraso, por ter que perguntar a várias pessoas onde ficava o bairro.
Às 15:30 hs foram passando, e quando eu já achava que não encontraríamos ninguém, parei num orelhão para retornar uma ligação do celular, e eis que estávamos na dita cuja. Era ela mesma a Rua Rui Barbosa, no Industrial, e o Guilherme foi olhar se tinha alguém ainda por lá. Ufa! que Bueno, ainda estavam concentrados ali.

Assim, estreei meu primeiro passeio até Lomba Grande, com a galera de Novo Hamburgo.
Fizemos um percurso plano e asfaltado, mas com intenso calor e com 2 paradinhas básicas para hidratação, numa delas encontramos mais outros ciclistas vindos de outros pontos.

Mantivemos um ritmo constante e foi tudo muito agradável.
Terminamos o passeio por volta das 18:00 hs como era previsto.
Foram percorridos em torno de 40km e o total passava de 100 km.
Agora, vinha a parte da volta sem o Trensurb.
O vento era fator bastante controverso, já que por hora se fazia bom, devido ao calor, mas dificultava bem a pedalada. Conversar com vento nem pensar! O jeito era manter uma marcha mais puxadinha e dá-lhe chão.

Chegamos em PoA em 2:30 hs, apesar disso!
Sem pneus furados e começando a anoitecer, em mais um belo dia de verão.
Visitem albúm

Nenhum comentário: