26 de jun de 2011

Me faltou um desapego

Neste findi esperei anciosa chegar a sexta-feira para sair com o pedal da Massa Crítica que ia rolar com a temática de festival intergalactico, mas me atrasei. A chuva me pegou quando ia chegando no Largo Zumbi e já eram 19:00 hs passadas, e lá quem fez presença pontualmente, largou! Chegamos eu e mais umas cinco pessoas atrasadas, e porisso, não rolou o pedal.

O principal motivo de meu atraso foi novamente o erro do meu banco. Ou melhor o banco que sou cliente, eles são muito ruins de negócio e, pior ainda, são os seus funcionários estagiários. Nada contra pessoalmente, mas desde que não venham me prejudicar. E foi justamente isso que ocorreu e, não foi a primeira mancada deles comigo que sou cliente nova!

Tenho em débito automático a maioria de minhas contas, porisso mesmo, espero obter disso um conforto, este se aplica ao fato de não ter que lembrar-me de fazer pagamentos de todas contas em suas datas de vencimento.

Parece que neste banco, qualquer coisinha que saia da rotina transforma-se em resultados desastrosos, sempre. No mês de abril fiquei sem sinal de internet por dois dias, porisso recorri a empresa que atualizasse os valores no pagamento do mês de maio. Imediamente o fizeram e, por causa do novo valor a ser pago com desconto dos dias sem sinal, procurei o atendimento do banco pessoalmente e lhes expliquei que naquele mês, apenas naquele mês, eu pagaria a conta no caixa do banco e no próximo mês tudo voltaria ao normal. Aparentemente foi captada minha mensagem pelo gurizinho que atendeu-me no banco, porém nesta sexta-feira conferi que não havia ainda sido cobrado o valor em conta corrente no débito automático deste mês.

O pau quebrou!
Liguei na empresa e expliquei-lhes oque ocorreu, enquanto eu falava com o telemarketing da empresa o telfone tocou era a funcionária do banco que já sabia que eu estava muito braba com a falha do atendente e me pediu que aguardasse até segunda-feira para ir novamente ao banco e verificar se foi lá que ocorreu de fato o erro com esta conta não paga por mais de quatro dias.

Me impressiona o atraso de certos funcionários que estariam supostamente ali para auxiliar seus clientes e acabam por prejudicá-los.
Paguei depressinha a conta numa lotérica e devido aos jogos da mega e do prêmio loteria de São João a quina, a fila era kilométrica.

Cheguei em casa e tive que preparar minha roupinha de intergaláctica e o frio era muito grande. Por fim, o traje ficou assim: óculos amarelos, casaco branco corta-vento, calça preta brilhosa porcima da calça de ciclismo, colete reflexivo e polainas com tênis roxinho, além das luvas e da fita nos cabelos.

Ficou dez! Mas voltei para casa e esta já foi a segunda vez que perco o pedal.

Nenhum comentário: